A banda

A banda

… e ela não saiu da janela

Achando que a banda tocava pra ela.

Ingênua que foi…

A deusa da banda, em meio à festa

Sorri complacente

Da ingenuidade dela.

Passa a banda

Passa a festa

Passa a deusa feminista.

Pra ela

Permanece a janela.

                                                             Cássia Oz

Outros poemas

Efemeridades

Fica

Medos

Hoje é só mais um dia. Um dia comum

Recompostura

Urgências

DESVELAMENTO

One thought on “A banda”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *