RIO 2016 – “Aquele Abraço” a Canção Olímpica

 

 

Por Daniel Rocha

Em 1997 o Rio de Janeiro chegava na reta final da disputa para sede dos jogos olímpicos de 2004. Com forte apoio popular inflado pela campanha de marketing do governo federal e das principais redes de TV do país o assunto tornou – se comum.

Na disputa final o Rio de Janeiro perdeu para a Atenas na Grécia deixando todos que torciam a favor frustrados com a derrota. Da experiência uma coisa marcou aquela geração, à música de divulgação da candidatura.

A canção “Aquele Abraço” Rio 2004, interpretada pelos destaques da música nacional da época, contagiava a todos que a cantarolavam em qualquer ponto de encontro, lanchonete, praça e escolas.

No embalo da campanha a música de Gilberto Gil era o destaque na TV e emissoras de rádio da cidade e do país. Um vídeo clipe com uma nova versão da música gravado com a presença de grandes nomes da música nacional como Caetano Veloso e Roberto Carlos.

Em 1997  a maioria dos brasileiros, apesar de acreditar que o mundo estava fadado acabar no ano 2000, sonhavam com a possibilidade de ver os Jogos Olímpicos serem realizados no país.

No final das contas o sonho Olímpicos de 2004 morreu no dia 8 de março de 1997 quando Comitê Olímpico internacional COI, não classificou a cidade maravilhosa entre as finalistas pela disputa do direito de sediar os Jogos.

Em 2009, treze anos depois da primeira candidatura, o Rio conquistou o direito de sediar o desejado evento que começa oficialmente na sexta-feira, 5 de agosto, a partir das 20h, no Maracanã. Os primeiros movimentos já repercutem e chamam a atenção do país e do mundo.

Por isso é curioso observar que a poucos dias do início do movimento Olímpico a música tema Oficial dos jogos Rio 2016 – “Alma e Coração” não goza da mesma popularidade da canção da candidatura Rio 2004.

Talvez porque no momento parte da população está frustrada com a ambiguidade do processo político que cominou no afastamento da presidente Dilma Rousseff e por isso repudiam o marketing oficial dos jogos. Ou simplesmente porque a canção de 1997, traduzia melhor nossa ideia de país democrático, livre e Olímpico.

Gilberto Gil irá se apresentar com o amigo, e conterrâneo, Caetano Veloso na cerimônia de abertura da Olimpíada no Maracanã. Quem sabe ele traz de volta “Aquele Abraço”.

 

 

Foto: Google Imagens

 

 

One thought on “RIO 2016 – “Aquele Abraço” a Canção Olímpica”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *